Livro – A Cabana

Posted on setembro 16, 2008 por

1



Semana passada estava tentando encontrar em alguma livraria o livro “A Sombra do Vento” e, após uma busca infrutífera, que me deixou frustrada, resolvi comprar outro, só para não ficar de mãos vazias já que minha fome de leitura estava acima do normal, então, nessa nova busca por um livro novo para ler, me deparei com vários títulos, entre eles o “Menino 44” de Tom Rob Smith, que ainda não li, e “A Cabana” de William Young, o primeiro me interessou de cara e não tive dúvidas quanto a comprá-lo, mas o segundo me fez exitar porque as críticas ao livro, apesar de favoráveis, faziam com que parecesse algo de auto-ajuda, li a sinopse e pensei “Hum, parece falar de religião, deve ser bem parcial.”, porém, como não gosto de me deixar guiar por primeiras impressões, preconceitos e estereótipos, resolvi comprar e ver no que ia dar. Logo no início, ao ler a explicação da personagem Willie, fiquei mais cismada com a obra, voltando a duvidar de minha escolha, mas segui em frente, e o que posso dizer sobre o livro agora? Não é uma obra literária, mas a mensagem que ele tem para passar te faz pensar, te abala, para religiosos fervorosos é um insulto, para pessoas que pendem entre acreditar ou não, uma luz ou aceitação, assimilação, depende da experiência de cada um e de sua mente ser aberta a todas as possibilidades. A minha é, e gostei da mensagem, eu recomendo.
Sinopse: A filha mais nova de Mackenzie Allen Philip foi raptada durante as férias em família e há evidências de que ela foi brutalmente assassinada e abandonada numa cabana. Quatro anos mais tarde, Mack recebe uma nota suspeita, aparentemente vinda de Deus, convidando-o para voltar àquela cabana para passar o fim de semana. Ignorando alertas de que poderia ser uma cilada, ele segue numa tarde de inverno e volta ao cenário de seu pior pesadelo. O que encontra lá muda sua vida para sempre. Num mundo em que religião parece tornar-se irrelevante, “A Cabana” invoca a pergunta: “Se deus é tão poderoso e tão cheio de amor, por que não faz nada para amenizar a dor e o sofrimento do mundo?” As respostas encontradas por Mack surpreenderão você e, provavelmente, o transformarão tanto quanto ele.
Anúncios
Marcado: ,
Posted in: Literaturas